Embalagens para balas ou remédios?


As embalagens são poderosas, quase todos sabem. Uma boa embalagem pode transformar algo comum em um conceito inusitado, charmoso, atraente. Um bom exemplo desse poder de transformação acontece com os doces da loja Happy Pills, em Barcelona, Espanha. Lá, a doceria virou uma farmácia.

Na loja, os doces vendidos – balas, jujubas, caramelos – são embalados em frascos e potes que imitam remédios. A loja seria uma farmácia de pílulas para felicidade (açúcar faz as pessoas felizes mesmo). Além dos potinhos de medicamento, as pessoas podem levar junto adesivos com textos indicando o consumo das guloseimas contra o mau-humor, a insatisfação, etc. Como se fosse uma prescrição médica.

As embalagens não fazem as balas ficarem mais gostosas, mas fazem com que as pessoas queiram comprá-las para experimentar. E isso é tudo que um bom produto precisa.


Fonte: MM Design

Sobre

3 comentários

  1. |

    Lindo, criativo, nooossa, dá vontade de copiar de abrir uma ‘farmácia de doces’ aqui no Brasil. Acho q faria sucesso…

    bjs,
    Luciana

  2. Cristine
    |

    pouco tempo atrás fiz uma pesquisa com usuários sobre emblagens de remédios e um depoimento me chamou atenção: um pai disse ter que esconder as cartelas de remédio de seu filho pequenho pois esse achava serem doces (visto que mtos chicletes hoje são vendidos em blisters). Esse é só um exemplo de que muitas vezes os projetos só se preocupam com a parte criativa, buscando analogias entre produtos e conceitos, mas não buscam referências com o consumidor, dando margem graves consequências como a ingestão acidental de medicamentos por crianças.

  3. |

    Pois é, Cristine.
    Um fato interessante nest projeto é que o público alvo da loja é de adultos e não de crianças…
    Abraço,
    Marina – Indesign.

Deixe um comentário

Erro! Este email é inválido.